Tipos de frigideira: entenda quais são as diferenças entre eles

Se você cozinha com regularidade no dia a dia, certamente sabe da importância de ter uma cozinha bem equipada, onde você pode encontrar tudo o que precisa para fazer pratos deliciosos, não é mesmo? Mesmo assim, muita gente ainda se confunde em relação a alguns acessórios. Os diferentes tipos de frigideira, por exemplo, você conhece?

Além de ser indispensável em qualquer cozinha, a frigideira também é muito versátil. Só que, para que suas receitas fiquem do jeitinho que você quer, é preciso entender quais são os tipos de frigideiras existentes no mercado e qual é a especialidade de cada um. Tudo pronto para ver as frigideiras com outros olhos?

Confira o post de hoje para entender como cada modelo pode ajudar você e verifique quais se encaixam melhor nos tipos de prato que você e sua família costumam preparar!

Omeleteira

A omeleteira é uma espécie de frigideira dupla (uma tampa a outra) e sua função é fazer os ovos crescerem sem que seja necessário acrescentar fermento. Além disso, o formato facilita muito na hora de virar os ovos.

Aproveite esse modelo para caprichar bastante nas receitas de omelete, incluindo os recheios que mais gosta e garantindo omeletes deliciosos, dourados e muito fofinhos!

Bistequeira

Para cozinhar bifes, filés e bistecas das carnes de sua preferência, nenhuma frigideira se compara à bistequeira.

Seu tamanho e formato permitem a distribuição uniforme dos pedaços de carne por toda a superfície, garantindo um cozimento perfeito. E o melhor: as ranhuras da bistequeira dão aquele toque especial de grelha, que faz qualquer um salivar!

Tradicional

Na hora de escolher aquela frigideira tradicional, que todo mundo tem em casa, preste atenção principalmente à qualidade do material com que ela foi fabricada. Para cozinhar sem óleo, opte por um modelo com revestimento interno antiaderente — como o teflon. Assim, os alimentos não grudam na frigideira, o que ajuda tanto no preparo como na limpeza!

Se você prefere filés douradinhos, acertará em cheio com uma frigideira de aço inox, alumínio ou até mesmo cerâmica, que também são muito fáceis de limpar.

Paellera

A paellera é perfeita para o preparo da paella, prato típico da Espanha. Não gosta ou não faz paella com frequência? Mesmo assim vale a pena investir em uma frigideira desse tipo!

Seu tamanho faz com que ela seja excelente também para cozinhar massas e carnes, mostrando-se bastante útil não apenas para o preparo da sua especialidade.

Para saltear

Você acha muito difícil saltear alimentos sem sujar o fogão? Então vai adorar a frigideira para saltear! Trata-se de um item relativamente pouco conhecido, mas muito prático.

Esse tipo de frigideira possui uma curvatura em sua borda que facilita o salteado sem que os ingredientes queiram fugir para fora da panela! É para quem gosta de cozinhar sem complicações.

Wok

A frigideira do tipo wok é perfeita para os fãs da cozinha oriental, já que é excelente para o preparo de pratos como yakisoba e pad thai. A profundidade da wok garante uma fritura em óleo perfeita para as carnes e os legumes. Se você preferir cozinhá-los, basta usar a tampa.

Aparece também na versão wok chef, que, além de ser elétrica e feita de aço inox, ainda contém um moderno e potente sistema de aquecimento, que a deixa perfeita para refogar, cozinhar a vapor e fritar. Como sua base é desmontável e o revestimento interno é antiaderente, é muito fácil de lavar.

Ovo poché

Fazer um bom ovo poché parece uma tarefa bem complicada para quem não é um cozinheiro muito habilidoso. No entanto, usando a frigideira específica para o preparo desse prato, você não precisa ser um cozinheiro profissional para conseguir deixar seu ovo poché no ponto certo.

Nesta frigideira, basta colocar água fervente na base da panela, quebrar o ovo na divisória e tampá-la. Ele cozinhará lentamente no vapor.

Bem mais prático e simples do que fazer na panela normal, não é mesmo?

Panquequeira

Se você tem dificuldades em acertar o ponto das suas panquecas, mesmo seguindo a receita ao pé da letra, pode ser que a panela é que esteja errada. Na panquequeira, a massa entra em contato com a base em uma superfície maior, além de ela ser mais rasa que a omeleteira.

Ela também não tem tampa, uma vez que, para fazer as panquecas, não é necessário tampá-las durante o preparo. Além disso, ela costuma ser antiaderente, para que você possa soltar a massa com muito mais facilidade do fundo. Fazer panquecas se tornará uma atividade muito mais prática com este utensílio.

Minifrigideira

Apesar das frigideiras de tamanho normal serem bastante versáteis, quando é o momento de fazer comida para uma ou duas pessoas, as minifrigideiras são mais funcionais e o tamanho reduzi permite que sejam feitas minipanquecas e tapiocas. Ótima para um lanche rápido em porções pequenas.

Além de saber as características de cada um dos modelos, para escolher as melhores entre os tipos de frigideiras é importante saber que os materiais utilizados para a sua fabricação também afetam o preparo das receitas, por exemplo:

  • frigideiras de cerâmica: não contaminam os alimentos por possíveis resíduos metálicos, como ocorre em frigideiras de ferro;
  • frigideiras de ferro: alta resistência, durabilidade e aquecimento rápido;
  • frigideiras de aço inox: é muito resistente e os riscos. Além disso, arranhões e o envelhecimento não são notáveis;
  • frigideiras de alumínio: esquentam lentamente e mantém o calor interno;
  • frigideiras antiaderente: os alimentos não grudam, não necessitam de muito óleo para o preparo dos alimentos e são mais fáceis de limpar, porém é importante ter cuidado com os riscos. Podem ser de diversos materiais, o revestimento antiaderente é o que proporciona o diferencial deste tipo.

Também é importante conhecer alguns detalhes que podem afetar a durabilidade das suas frigideiras, como o fato de que frigideiras de alumínio não são recomendadas para frituras em altas temperaturas, pois podem deformar. Já o aço inox e o titânio podem passar por altas temperaturas sem problemas.

Frigideiras de ferro fundido e cobre são mais utilizadas em cozinhas profissionais, pois elas retêm a temperatura por mais tempo, além de conduzir melhor o calor. Porém, tem como ponto negativo o fato de que utilizá-las requer certa prática para não queimar os alimentos.

Embora pareça uma tarefa simples, escolher a frigideira certa, entre todos os tipos de frigideira que existem, requer um pouco de conhecimento para que não haja nenhum problema durante o preparo ou mesmo para facilitar o cozimento adequado dos alimentos. Mas agora que você já sabe de todas essas informações, pode escolher sem medo!

Gostou de conhecer os tipos de frigideira que podem fazer a diferença na sua cozinha? Então, compartilhe este post em suas redes sociais para que outras pessoas também possam conhecer as diferenças entre eles e utilizar a frigideira mais adequada para cada finalidade!

Sua opinião é muito importante!

Comentários