Qual a importância de utilizar produtos testados dermatologicamente?

Você já usou um produto que tenha causado coceira, brotoejas ou outras reações em sua pele? É uma experiência muito desagradável, não é mesmo?

Algumas pessoas são extremamente sensíveis a diversos componentes presentes em grande parte das fórmulas dos produtos de limpeza. Por isso, vez ou outra, acontecem reações ao manusear os produtos. Essa sensibilidade vai desde reações simples, como uma leve vermelhidão e coceira, até alergias mais severas, com quadros graves de dermatite.

Ou seja, muitos cuidados precisam e devem ser tomados na hora de usar produtos de limpeza. Mais do que isso: é preciso ser criterioso na escolha dos produtos. Por isso, é importante dar preferência aos produtos testados dermatologicamente.

Acompanhe o post até o final e entenda mais sobre esse tema. A sua pela agradece!

O que são os produtos testados dermatologicamente?

Os produtos testados dermatologicamente são aqueles que têm um potencial bem menor de causar alergia, irritação ou outro tipo de reação na pele.

É importante deixar claro aqui que não há como garantir que um produto jamais causará alergia ou irritação em uma pessoa. Isso vai depender muito da sensibilidade de cada um e dos modos de utilização dos produtos.

Como são feitos os testes desses produtos?

Esses testes seguem um padrão regulamentado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Tudo é feito de modo a garantir a integridade da saúde na nossa pele.

Os testes são realizados em voluntários com a presença de dermatologistas. É fundamental que os produtos sejam previamente elaborados dentro de padrões rigorosos de segurança para, então, serem submetidos aos testes.

Os produtos testados dermatologicamente, em geral, passam pelo patch teste, considerado mais eficaz no diagnóstico de dermatite por contato. Os produtos apenas são liberados para a comercialização depois que apresentam um resultado negativo de reação em pelo menos 95% dos voluntários.

Por que é importante usar produtos testados dermatologicamente?

Os produtos dermatologicamente testados vêm com essa descrição na embalagem ou com algum selo identificando essa característica.

É fundamental observar isso nos rótulos para adquirir apenas os que foram submetidos aos testes. Isso porque muitos produtos são formulados com substâncias extremamente nocivas à pele e à saúde de modo geral.

Há componentes que podem desencadear na pele uma ação corrosiva, podem causar até mesmo queimadura. Outros, porém, não chegam a causar reações tão graves, mas podem provocar sensibilizações leves e ressecamento cutâneo.

Os produtos de limpeza precisam ser testados dermatologicamente?

Com certeza, e vamos explicar o porquê. Muitos produtos de limpeza passam pelo contato das nossas mãos na hora de serem usados, e é aí que mora o perigo!

Os produtos que não são dermatologicamente testados podem ocasionar diversas alergias na pele. Algumas pessoas ficam com as mãos extremamente ásperas ao manusear certas substâncias. Isso sem falar nas reações mais severas, como vermelhidão e descamação da pele.

Por isso, verifique sempre se a empresa fabricante dos produtos de limpeza os submete a testes. O UAU Multiuso, por exemplo, é um produto muito versátil na limpeza da casa e oferece a segurança por ser testado dermatologicamente.

É importante esclarecer também, que algumas substâncias, mesmo sendo fabricadas com critério, não podem entrar em contato com a pele. É o caso do cloro ativo, por exemplo.

Agora que você já sabe tudo sobre produtos testados dermatologicamente, aproveite para assinar a newsletter e receber outras informações muito úteis para o seus dia a dia.

Sua opinião é muito importante!

Comentários