Passo a passo: lave roupa na máquina da maneira correta

Parece engraçado fazer um post explicando como lavar roupa na máquina, não é? Mas, olha, muita gente estraga peças de vez em quando, usando esse eletrodoméstico de maneira errada.

Apesar de facilitar muito a vida, a máquina não diferencia os tecidos e as cores, e pode acabar manchando uma camisa nossa ou estragando aquele tecido mais fino. Portanto, para que você também não passe por isso, fique de olho nas dicas abaixo, que mostram o passo a passo para usar a máquina sem danificar sua roupa!

Separe as roupas de acordo com as cores

Um dos problemas mais comuns de quem lava roupa são as manchas. É importante separar as peças por cor. Você não precisa fazer lavagens diferentes para cada uma delas, mas, dentro do possível, tente separar:

  • tecidos escuros, de cor predominantemente preta, azul-marinho ou marrom, por exemplo;
  • peças coloridas de tons mais fortes, como vermelho ou laranja;
  • roupas brancas e de cores bem claras, como bege ou marfim.

Fazendo essa seleção, você diminui o risco de danificar as roupas mais claras, pois muitas daquelas que têm cores fortes soltam tinta. É importante que você perceba quando uma peça deixa muita cor na água. Nesse caso, o melhor é lavá-la em separado, especialmente enquanto é mais nova.

Você comprou uma roupa recentemente e acha que ela pode soltar pigmento e manchar as demais? Experimente deixá-la imersa em um balde com água durante cinco a dez minutos para tirar a prova.

Proteja as peças mais finas e delicadas

É bem fácil danificar a alça de um sutiã ou de uma camiseta durante a lavagem, principalmente se ela prender nas pás. Roupas com tecido fino ou enfeites também precisam de atenção.

Para protegê-las, use saquinhos finos feitos especialmente para peças delicadas. Eles permitem a passagem de água e de todos os produtos de limpeza, ao mesmo tempo em que protegem a roupa do atrito próprio da lavagem.

Escolha a temperatura ideal para lavagem

Caso sua máquina seja daquelas que permitem usar água quente, você precisa conferir, na etiqueta de cada peça, qual a temperatura máxima que deve ser utilizada na lavagem.

A água quente ajuda a dissolver a gordura acumulada no tecido e é muito útil para limpar peças de cama, mesa e banho, mas pode danificar as sedas ou a lã, por exemplo.

Adicione a quantidade certa de cada produto

Tem gente que usa e abusa dos produtos na hora de lavar, achando que a roupa fica mais bem lavada, mas essa é uma ideia errada! O excesso de sabão, alvejante e amaciante se deposita nos tecidos — às vezes, o acúmulo fica visível e parece sujeira — e pode causar irritações de pele e alergia.

Eles também pode criar crostas dentro da máquina de lavar e prejudicar o eletrodoméstico em médio prazo. Portanto, use a quantidade indicada na embalagem de cada produto: seu bolso ainda agradece a economia!

Ajuste o nível de água adequadamente

Por falar em economizar, cada vez que sua máquina enche ela leva embora uma boa quantidade de água tratada. Fique de olho nas marcações dos níveis e escolha o mais apropriado para a quantidade de roupas que você está lavando.

Fique de olho na qualidade dos produtos

De nada adianta você tomar todos os cuidados necessários se utilizar produtos de origem duvidosa ou de baixa qualidade. O barato sempre sai caro! Você tenta economizar no material de limpeza, mas acaba tendo outros problemas, como:

  • lavar a roupa mais vezes;
  • desgastar o tecido mais rápido;
  • lidar com irritações e alergias na pele etc.

Lembre-se de que seu bolso e sua saúde estão em jogo, na hora de escolher o que vai colocar em contato com os tecidos que você usa no dia a dia.

Viu como lavar roupa na máquina também pede alguns cuidados? Quer saber mais? Leia outro artigo e confira como lavar um pano de chão corretamente!

Sua opinião é muito importante!

Comentários