Descubra 6 dicas práticas para arrumar a casa mais rápido!

A rotina da vida contemporânea não é fácil. Trabalhamos várias horas, perdemos tempo no trânsito, praticamos exercícios físicos para manter a saúde e em meio a isso tudo precisamos tirar tempo para arrumar a casa, o que nos faz desejar que o dia tivesse mais horas.

A boa notícia é que você pode vencer esse obstáculo de forma mais rápida e eficiente, otimizando o tempo dedicado e aproveitando melhor os seus dias. Separamos algumas técnicas simples de organização que não ocupam tantas horas e permitem que você descanse, sem peso na consciência, quando chegar em casa depois de um dia corrido no trabalho.

Não sabe por onde começar? Continue com a gente e deixe a casa em ordem! Boa leitura!

1. Monte um cronograma de limpeza

Um modo bastante eficiente de otimizar a faxina é por meio da criação de listas de tarefas. Você pode fazer isso de diversas maneiras, como definindo os dias em que a arrumação será básica e em quais será mais pesada.

Outro cronograma interessante, principalmente para quem prefere dividir a limpeza, é a organização por cômodo. Nesse caso, a cada semana ou a cada dia, um ambiente da casa recebe a faxina geral.

Criando um cronograma, você saberá quais tarefas fazer, tendo um melhor controle sobre o tempo. Assim, limpezas pesadas, como lavar janelas e limpar a geladeira, não precisam ser feitas no mesmo dia. O ideal é definir as datas já no começo do mês e você pode, inclusive, colocar o planejamento na porta da geladeira para não se esquecer de nada.

2. Comece organizando a bagunça

Agora é o momento de colocar a mão na massa. Comece colocando todos os objetos nos seus devidos lugares e, com um saco grande de lixo, retire todas as sujeiras. Por exemplo, copos sujos espalhados, sapatos fora do armário, aqueles recibos do supermercado que se propagam pela casa, entre outras coisas.

Em seguida, recolha todos os lixos, principalmente dos banheiros e da cozinha. Coloque sacos plásticos novos e lave com água e detergente as lixeiras que ficarem com resquícios ao fundo, evitando a criação de bactérias e fungos. Essas pequenas atitudes já farão uma diferença incrível e lhe darão mais vontade de continuar a arrumação.

3. Separe o que não é mais necessário

Um lar prático e rápido de arrumar é aquele onde os moradores não acumulam coisas, ou seja, se desfazem dos itens desnecessários e não compram o que apenas ocupará espaço.

Afinal, obviamente, quanto mais coisa precisarem ser limpas, mais tempo e trabalho serão necessários. Assim, evitar ambientes com excesso de móveis é uma maneira de não poluir o visual e não acumular poeira.

Faça uma boa limpeza nos armários e descarte produtos, roupas e acessórios que se tornaram inúteis. Separe o que ninguém usa há mais de seis meses, os itens danificados e sem conserto e aqueles que estão excedentes, ou seja, que você tem mais de um. Essa prática reduzirá significantemente o tempo da próxima limpeza.

4. Comece pelo mais difícil

Sempre surge a dúvida sobre por onde iniciar a limpeza. Uma boa saída é analisar quais cômodos exigirão mais tempo e energia e começar por eles. Assim, quando o cansaço bater, faltarão os ambientes mais tranquilos de higienizar.

Provavelmente, os mais fáceis serão aqueles que mais usamos no cotidiano e onde recebemos nossas visitas, como a sala, a cozinha e os banheiros. Afinal, já que passamos mais tempo neles, notamos mais as sujeiras e limpamos com mais frequência.

Os mais difíceis costumam ser aqueles localizados nos extremos da casa, como a área de serviço e as varandas. O ambiente onde você repõe as energias merece uma atenção especial. No quarto, lembre-se de guardar tudo o que está fora do lugar, limpe bem todos os cantinhos que juntam impurezas e troque os lençóis.

Já a área externa, deixe para o final. Como não é sempre usada, basta varrer para tirar as folhas e a poeira e, quando necessário, jogue um balde de água e esfregue bem.

5. Use produtos e equipamentos de qualidade

Usar produtos e equipamentos inadequados, ou de forma incorreta, pode interferir negativamente, e muito, na rotina de limpeza da casa.

Por isso, invista em ferramentas de qualidade e que otimizam a faxina, como um aspirador de pó que alcança aqueles cantinhos por onde a vassoura não passa, um rodo mágico para passar pano úmido no chão sem ficar dependendo de baldes, um espanador de microfibra que tira o pó sem espalhá-lo, bem como outros itens que estão chegando ao mercado.

Uma dica extra em relação aos produtos é comprar e organizar todos que serão necessários antes de começar o processo. Assim, você evita ficar procurando os materiais cada vez que iniciar uma tarefa e ganha tempo. Faça proveito dos produtos específicos e apropriados para cada revestimento. Além de facilitar a higiene, você não corre o risco de danificar nada.

6. Crie o hábito de arrumar a casa no dia a dia

Como dica final, poupe trabalho no dia da limpeza mantendo tudo em seu devido lugar no cotidiano. Crie o hábito de não deixar acumular louça na pia, de guardar roupas e sapatos nos armários e de recolher o lixo com frequência.

Essas atitudes levam pouco tempo quando executadas imediatamente. Por outro lado, quando essas coisas se acumulam, além de fazerem a casa parecer mais suja do que realmente está, tornam a faxina mais cansativa.

Utilize estratégias para incorporar essas medidas em sua rotina. Por exemplo, adquira um cesto de roupa suja, recoloque os objetos no local após serem utilizados, coma sempre em pratos para não espalhar farelos e evite entrar com os calçados sujos dentro de casa.

Arrumar a casa não precisa ser difícil. Siga nossas dicas e diminua o tempo desse processo para gastar mais horas fazendo o que gosta e com quem ama. Tudo isso em um lar limpo e agradável, proporcionando bem-estar para toda a família e conservando seus móveis e objetos em bom estado.

Por último, que tal acender algumas velas aromáticas e decorar os ambientes com flores novas? Você vai adorar a sensação!

Gostou do conteúdo? Aproveite e confira nossas dicas para economizar água durante a limpeza! Até breve!

Sua opinião é muito importante!

Comentários